A dependência química como uma doença e a importância das clínicas para dependentes químicos

Durante a década de 1960, a dependência química deixou de ser apenas “falta de vergonha na cara” ou “desvio de caráter” para ser considerada, de fato, uma doença física e psicológica. Atualmente, a dependência química está entre as doenças psiquiátricas mais recorrentes de nossa sociedade.

Entenda a dependência química como uma doença

A dependência química é uma doença química e completamente interna: é uma doença provocada por tóxicos, em uma reação química no metabolismo do corpo humano. Ela é uma doença completamente interna, ou seja, fatores externos como problemas familiares não levam à dependência química, mas podem, sim, levar ao consumo de drogas. A dependência química acontece quando fatores internos de cada organismo colaboram, direta ou indiretamente, com a instalação da doença no corpo.

A dependência química é uma doença progressiva, porém controlável: uma doença progressiva se caracteriza pelo agravamento dos sintomas até que haja o óbito da pessoa. É isso que ocorre com a dependência química, se não for tratada corretamente. A dependência química é uma doença tratável e controlável, entretanto, NÃO existe cura para a dependência química. Ela pode sim ser controlada através de tratamentos diversos e um dependente químico pode viver normalmente, se ele se empenhar no tratamento. Todavia, ele nunca estará curado da doença.

A dependência química é uma doença tanto física, quanto psicológica: para a dependência química se instalar no corpo de uma pessoa, ocorrem fatores físicos propícios para tal. Após instalada, o dependente químico precisará usar sempre a droga para evitar as chamadas “crises de abstinência”, que podem causar fortes dores, náuseas, tremores, entre outros sintomas. Além disso, as crises de abstinência também deixam o usuário em péssimo estado psicológico, o que também resulta no uso da droga, para buscar a euforia e o afastamento tanto das dores físicas, quanto dos problemas psicológicos recorrentes.

Como uma clínica de dependentes químicos pode auxiliar?

Uma clínica para dependentes químicos, em geral, oferece no mínimo 6 meses de internação para um paciente, com tratamentos individuais, que visam entender os problemas e os vícios de cada um deles. Através de uma estrutura qualificada para tal, as clínicas para dependentes químicos também possibilitam que haja eventos recreativos e momentos de lazer, que colaboram para o tratamento nesses casos.

Além disso, também contam com uma equipe de profissionais especializados, como psiquiatras, psicólogos, terapeutas e enfermeiros, que irão designar o tratamento certo para cada paciente da clínica.

Se o dependente químico estiver de acordo com a sua situação, então uma clínica para dependentes químicos pode ser a escolha certa para um tratamento mais eficaz, com um risco menor de recaídas.

Confira os detalhes da nossa estrutura

Nossa estrutura
Nossa estrutura
Nossa estrutura
Nossa estrutura
Nossa estrutura
Nossa estrutura

Como posso iniciar a mudança?

Prezamos sua privacidade. Fale diretamente com nosso expert. Não perca esta chance! Estamos a uma mensagem de distância

Quero iniciar meu tratamento
Quero iniciar meu tratamento

Regiões de atendimento

  • Aclimação
  • Bela Vista
  • Bom Retiro
  • Brás
  • Cambuci
  • Centro
  • Consolação
  • Higienópolis
  • Liberdade
  • Luz
  • Pari
  • República
  • Santa Cecília
  • Santa Efigênia
  • Vila Buarque
  • Brasilândia
  • VerdeImirim
  • Lauzane Paulista
  • Tremembé
  • Vila Gustavo
  • Centro
  • Consolação
  • Higienópolis
  • Liberdade
  • Luz
  • Pari
  • República
  • Santa Cecília
  • Santa Efigênia
  • Vila Buarque
  • Água Branca
  • Alto da Lapa
  • Freguesia do Ó
  • Jardim Bonfiglioli
  • Perdizes
  • Pirituba
  • São Domingos
  • Vila Sonia
  • Bairro do Limão
  • Alto de Pinheiros
  • Jaguaré
  • Lapa
  • Perús
  • Raposo Tavares
  • Sumaré
  • Barra Funda
  • Butantã
  • Jaraguá
  • Pacaembú
  • Pinheiros
  • Rio Pequeno
  • Vila Leopoldina
  • Aeroporto
  • Campo Belo
  • Capão Redondo
  • Cidade Jardim
  • Interlagos
  • Jabaquara
  • Jardim Europa
  • Jardim São Luiz
  • M'Boi Mirim
  • Parelheiros
  • Santo Amaro
  • Vila Andrade
  • Água Funda
  • Campo Grande
  • Cidade Ademar
  • Jardins
  • Moema
  • Pedreira
  • Saúde
  • Vila Mariana
  • Brooklin
  • Campo Limpo
  • Vila Buarque
  • Cidade Dutra
  • Ibirapuera
  • Itaim Bibi
  • Jardim América
  • Jardim Paulistano
  • Jockey Club
  • Morumbi
  • Água Rasa
  • Artur Alvim
  • Cidade Tiradentes
  • Guaianazes
  • Jardim Iguatemi
  • Parque do Carmo
  • Penha
  • São Miguel Paulista
  • Vila Carrão
  • Vila Formosa
  • Anália Franco
  • Belém
  • Engenheiro Goulart
  • Itaim Paulista
  • José Bonifácio
  • Parque São Lucas
  • Ponte Rasa
  • Sapopemba
  • Vila Curuçá
  • Vila Matilde
  • Aricanduva
  • Cidade Patriarca
  • Ermelino Matarazzo
  • Itaquera
  • Moóca
  • Parque São Rafael
  • São Mateus
  • Tatuapé
  • Vila Esperança
  • Vila Prudente
  • São Caetano do sul
  • Diadema
  • Ribeirão Pires
  • Embu Guaçú
  • Osasco
  • Cotia
  • Caierias
  • Cajamar
  • Mairiporã
  • São Bernardo do Campo
  • Guarulhos
  • Mauá
  • Embu das Artes
  • Barueri
  • Itapevi
  • Franco da Rocha
  • Arujá
  • Santo André
  • Suzano
  • Embu
  • Itapecerica da Serra
  • Jandira
  • Santana de Parnaíba
  • Taboão da Serra
  • Alphaville
  • Bertioga
  • Cubatão
  • Iguape
  • Mongaguá
  • São Vicente
  • São Sebastião
  • Cananéia
  • Guarujá
  • Liberdade
  • Luz
  • Ilhabela
  • Riviera de São Lourenço
  • Praia Grande
  • Peruíbe
  • Caraguatatuba
  • Ilha Comprida
  • Itanhaém
  • Santos
  • Ubatuba

Veja também

Comunidade Terapêutica Litoral Sul

Como escolher o melhor centro de recuperação para drogados?

Comunidade Terapêutica Litoral Sul

Conheça o serviço de recuperação de drogados na Comunidade Terapêutica Litoral Sul

Comunidade Terapêutica Litoral Sul

Existe recuperação de drogados?